terça-feira, 16 de agosto de 2011

BEM VINDOS POETAS: Andrade jorge,Dalton Sibinel,Dilce Toledo, Virgínia Martins




Andrade Jorge-* Jundiaí-SP 07/02     Andrade Jorge atualmente reside em Diadema/SP,filho de Alice e Benedito (Didi) in memoria; Profissionalmente especializou-se em Recursos Humanos. Começou a ensaiar rabiscos de poesias aos 12/13 anos de idade,e nunca mais parou. Possui catalogado mais de 1.000 textos entre poesias, crônicas,contos, pensamentos, devidamente registrados na Biblioteca Nacional. Livros publicados:ENCANTO E DESENCANTO – Editora Insanno - 2009 e QUEM É ESSE SER? – Editora A Casa do Novo Autor – 2010 ANTOLOGIAS: Introspecção (Editora In House) e Cronistas, Contistas e Poetas Contemporâneos (Editora Scortecci, projeto literário Delicatta), Antologia CAPPAZ,Antologia AVBL; Palavras para o coração (Editora Litteris); Palavras sem fronteira. Em 2011 lançará um livro de contos.


O MUNDO ENCANTADO DA POESIA


A letra vive, revive

cada instante

Cada momento,

por mais distante,

O verso tem o poder de trazer esse alento



O sonho ganha vida afinal,

a magia pode ser breve

na linha que o poeta escreve,

mas é eterna até o ponto final.



O poeta perde-se em devaneio

acordando com a tristeza e alegria,

do mundo real torna-se alheio,

mas é neste chão, neste mundo,

que explode sua poesia.


Andrade Jorge



Dalton Luis Sibinel-*        Dalton é  bacharel em Administração e Direito, bem como funcionário público municipal de Jundiaí. Lançou em 2010  na 21ª Bienal Internacional," Uma pérola esquecida", Livro de poesias, que enfocou vários assuntos com homenagens para Jundiaí e regionalmente e  abraçou também o Estado de Minas Gerais falando do cotidiano das pessoas humanas. Ambas as obras literárias tiveram repercussão internacional, fator pelo qual hoje estão em Portugal e Angola por conta da unificação da linguagem portuguesa, Espanha, Noruega, Dinamarca, Austrália, Alemanha, alguns países do mercosul, vários Estados brasileiros, além de estar fazendo sucesso na cidade de Jundiaí/SP e grande região.  Na 15ª Bienal Internacional do Rio de Janeiro/RJ,  lançará   pela  Editora In House, de Jundiaí/SP, Uma estrada, Um destino...Os caminhos de uma vida, que envia mensagens aos jovens e à sociedade , em cada fase de suas vidas, em forma de poesias.

Reconciliação





Não tem nada perdido
O passado já está esquecido
O que vale agora é o presente
Para mostrarmos o que o coração sente.



Aos meus pés, eu tenho o mundo
Uma hora, um minuto, um segundo
É o tempo para te reconquistar
e, intensamente, vir para te amar.


Dê mais uma chance para mim
Juro que irei até o fim
Minha vida vai ter mais valor
Nos meus dias, saborear o seu amor.

Vamos agora tudo zerar
Uma nova vida recomeçar
E, sem mágoas no coração
Explodir a minha paixão.

Ah! É só você querer, e eu quero

Na minha cama fria, eu te espero

Preencha o vazio que você me deixou

E você amanhecer nos braços de quem sempre te amou.


Dalton Sibinel





 Dilce Nery dos Santos Toledo-*           Dilce é formada em Ciências Contábeis e Administração de Empresas, pós graduada em Mercado Financeiro, Gestão Empresarial e Comércio Exterior e Direito Ambiental e Gestão Ambiental. Embora aposentada, Dilce continua em atividade, desenvolvendo Projetos de Educação Ambientais,turismo rural,assessorias  e consultorias administrativas, Jurídicas e Ambiental. Romantica e sensível escreve suas tristezas,alegrias,saudades e o viver intenso do amor transformando-o em verso.


MEU AMOR



O meu amor por você, com certeza,

É a vida dos mares que avança...

É a dos rios com suas correntezas,

É a dos lagos com as lagoas mansas.



É a vida dos riachos que embeleza,

É a do imenso oceano sem fim...

É o lindo berço da bela natureza,

Que me faz te amar tanto assim.



É o amor que deságua na doçura,

Que eleva a alma, a minha emoção,

Que traduz o carinho com a ternura,

É o êxtase da criação na inspiração.



É o amor, meu doce amante da vida,

É viver e participar em todo sentido,

É a loucura da paixão sem medida...

É o longo envolvimento bem merecido.



Sem dia e sem hora para acontecer...

A singela entrega do corpo e da alma,

Nos bons momentos do intenso prazer,

Da inebriante satisfação que acalma.



É amar, um louco amor alucinante,

É vivenciar, margear os pensamentos

É a doçura que leva a todo instante

Aos braços deste amor de momentos.



É como o romper da linda aurora...

É o desabrochar do belo amanhecer,

Ao som do uivo do vento... Lá fora...

O cantar dos pássaros no alvorecer.



Dois amantes sedentos de desejos,

Envolvidos por este encantamento,

Entre lençóis, trocam carícias e beijos

Fazem amor jorrado por sentimentos!
 
Dilce Toledo





Virgínia Martins-*  Recife-PE 19/03/1964 Virgínia é professora de Português.Presta trabalho voluntário na comunidade de Paulista, cidade onde atualmente reside.Presente em Antologia, site de poesias e Literatura.


Quando você se foi, eu chorei...




Chorei pelas palavras não ditas Pelas



noites vividas... Ah, eu chorei! Por cada



segundo que passamos e tudo que



sonhamos, mas você se foi... Jogou-me



ao vento desordenando meus passos



que no compasso dancei as mais belas



melodias... Meus olhos podiam alcançar



seus desejos que o silêncio calava quando



Deus ordenava...



Quando você se foi, eu chorei...



Chorei na fria solidão do meu quarto todas



as lágrimas que saudade já abraçou em



uma distancia confirmada quando você me



deixou e nada me falou.



dias aqui fiquei e do mundo me isolei...



Tranquei!



segurei Muito abracei depois beijei com as



horas briguei quase implorei.



Quando você se foi, eu chorei...



Para o tempo não declarar que tudo teve



que acabar porque do sonho eu tinha



Em minha imaginação lhe



que acordar em seus olhos eu não mais



poderia olhar o azul que tem o mar, nem



o sol que no céu me fez chegar e nas



nuvens deitar para nas estrelas tocar...



Porque toda poesia que criei em utopia



transformei em versos recitei nas estrofes



confessei



Quando você se foi, eu chorei...



Meu luso lhe tornei para inspiração que



encontrei das criticas que suportei quando



em devaneio me apaixonei na simplicidade



fiquei na fé que Deus tudo pode mudar



o impossível realizar... Ah! Quem pode



Seus planos mudar na vida de quem



quer operar?... Por isso aqui estou com



lágrimas e dor diante do Criador que meu



pecado perdoou e meu amigo se tornou.



Virgínia Martins
 
 
 
* SEJAM BEM VINDOS!! RECEBAM O CARINHO DE NOSSOS CONFRADES E CONFREIRAS!!
Aline Romariz
PORTAL DO POETA BRASILEIRO
EU E VOCÊS FAZEMOS PARTE DESTA HISTÓRIA!!!

17 comentários:

  1. Olá,|Virginía, seja bem vinda entre nós e a Trupe do Portal! Aparece em Campinas!
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Bem-vindos poetas! Sintam-se parte desta caminhada! Abraços!

    ResponderExcluir
  3. Sejam Bem Vindos, Poetas ! Que a poesia nos una na amizade !

    Abraços


    Charlyane Mirielle

    ResponderExcluir
  4. QUERIDOS POETAS, OBRIGADO POR COMPARTILHAR COM A GENTE SUAS INSPIRAÇÕES.
    GRANDE ABRAÇO

    ResponderExcluir
  5. Sejam muito bem vindos e sintam-se em casa! Beijos!

    ResponderExcluir
  6. Sejam muito bem vindos nobres poetas. Saudações a todos.

    ResponderExcluir
  7. Caríssimos poetas,Andrade Jorge, Dalton Luis, Dilce e Virginia Martins sejam bem vindo ao Portal Do Poeta, essa revista cultural, que a cada dia nos orgulha, que suas inspirações sejam belíssimas a ponto de nos emocionar bastante. Parabéns - abraços do POETA ALBERTO ARAÚJO

    ResponderExcluir
  8. Sejam todos muito bem vindos!
    Um fraterno abraço.
    Baroneto

    ResponderExcluir
  9. Fiquei encantada,simplismente maravilso blog,grans epoetas.Aqui fica meus parabéns por tão grandiosas obras poéticas,abraços.

    ResponderExcluir
  10. João Sávio dos Santos Lima16 de agosto de 2011 21:02

    Aos Poetas e Poetisas recém-chegados, sintam-se empossados, sejam recebidos de braços abertos, é legal ter voçês por perto!!!
    Sejam bem vindoos e seremos multiplicados a cada dia, parabéns!

    Cordialmente, João Sávio dos Santos Lima.

    ResponderExcluir
  11. Não há maior prazer que o de encontrar um velho amigo, exceto o de fazer um novo. Sabedor que somos de que a amizade é como as estrelas; mesmo à distância elas brilham, ficamos imensamente felizes em receber meus novos amigos Andrade Jorge, Dalton Sibinel, Dilce Toledo, Virgínia Martins no PORTAL DO PETA BRASILEIRO. Com certeza nossos esforços poéticos-literário só tem a ganhar e se fartar de orgulhos com nossos novos confrades. Por esta razão gostaria que aceitassem nossos mais efusivos hurras de alegria ao recebe-los em nosso PORTAL desejando-lhes grades realizações para nossos deleite.
    Conde-Evanil Armelin – 18ago2011.

    ResponderExcluir
  12. BEM-VINDOS!
    NOVOS CONFRADES lá lá lá lá lá lá lá
    lálálálá
    lálálálálálá!!


    Flá Perez

    ResponderExcluir
  13. Andrade Jorge, Dalton, Dilce e Virgília sejam todos muito bem vindos!
    Abraços
    Teresa Azevedo

    ResponderExcluir

O PORTAL DO POETA BRASILEIRO AGRADECE SEU COMENTÁRIO!