quarta-feira, 16 de novembro de 2011

Salve a Conciência Negra

Salve a Consciência Negra












..Vindo Em multidão
aqui tagarelando
longe do seu torrão
uma hora cantando
outra ora chorando.

Serve ao seu senhor
mesmo sem prática
a negrinha Fulô
Bem longe da Africa
que pra traz ficou!...

Jovens e velho negros
muitos atarefados
são tão maltratados
nunca tendo sossego
sendo chicoteados!

se ele desagradou
ao senhor o pobrezinho
sofre lá no pelourinho
chicote, sofrendo dor
e desmaia o negrinho!

Dos Palmares em União
pra que a luta prossiga
chegam a Serra da Barriga
com toda resolução
numa luta mui renhida!

Ali seu forte os escravos
sendo de negros e negras
sem forria, esses bravos
deixaram grande legado...
Salve a Consciência Negra!

Laerço dos Santos
http://oagape.blogspot.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O PORTAL DO POETA BRASILEIRO AGRADECE SEU COMENTÁRIO!